CHINA REALIZA VENDA MASSIVA DE TÍTULOS DO TESOURO DOS EUA EM MEIO À GUERRA COMERCIAL

 

Em um ano Pequim, o maior detentor estrangeiro da dívida pública norte-americana, vendeu seus títulos do Tesouro dos EUA no valor de 67,2 bilhões de dólares. Por que a China decidiu dar esse passo e como isso poderia afetar a economia dos EUA? A China, o maior detentor estrangeiro da dívida pública dos EUA, realizou a maior venda de títulos do Tesouro dos EUA em dois anos, reduzindo seus investimentos nesse ativo a 1,12 trilhão de dólares (R$ 5,53 trilhões).

 

No período de 12 meses que terminou em março, a China reduziu em 67,2 bilhões de dólares seus investimentos em títulos do Tesouro dos EUA, o que corresponde à 5,6% dos investimentos chineses nesse ativo, informou o banco de investimentos UBS, citado pelo canal CNBC.

 

Segundo analistas, a China não ameaça nem deixar de comprar títulos do Tesouro nem se envolver em vendas imediatas, o que abalou o mercado de títulos anteriormente. O mais provável é que Pequim tenha dado esse passo para defender sua moeda nacional.

 

Embora a venda massiva de títulos públicos dos EUA possa agravar as negociações comerciais com Washington, entre as duas maiores economias do mundo, o impacto de longo prazo dessas medidas ainda não está claro.

 

Vale destacar que a emissão de títulos do Tesouro permite a Washington financiar os gastos públicos crescentes, estimular o crescimento econômico e manter taxas de juro baixas.

 

Se os chineses decidirem se livrar da dívida pública dos EUA ou reduzir significativamente sua cota-parte nesse mercado, surgirá um desequilíbrio. Washington depende demasiado dos compradores estrangeiros desses títulos. A venda massiva de títulos do Tesouro causaria o aumento drástico das taxas de juro o que, por sua vez, seria um golpe contra a maior economia global.

 

"A venda massiva dos títulos do Tesouro é a maior arma que eles [os chineses] possuem. Eles precisam fazer mais para combater os EUA. Então, se chegar a atura, é isso que vão usar", disse o economista Sung Won Sohn.

 

A China continua sendo o maior detentor de dívida pública dos EUA, mesmo depois de sua participação ter caído para 17,3% em comparação com outros governos em todo o mundo, a menor cota-parte desde junho de 2006. O Japão e o Reino Unido ocupam o segundo e o terceiro lugar nessa lista.

 

PUBLICADO ORIGINALMENTE EM:

https://br.sputniknews.com/economia/2019051713899303-china-realiza-venda-massiva-de-titulos-do-tesouro-dos-eua-em-meio-a-guerra-comercial/

Please reload

PLURALIDADE DE IDEIAS E  DIVERSIDADE DE PENSAMENTOS

Oblog www.esquinademocratica.com aborda temas relacionados à política e à administração pública, sempre a partir da defesa incondicional dos direitos humanos e do pleno exercício da cidadania. Lutamos pela democratização da informação e da comunicação e buscamos exercer o JORNALISMO de forma LIVRE e INDEPENDENTE. Defendemos a pluralidade de ideias e a diversidade de pensamentos, por meio de um jornalismo politicamente engajado em um projeto de sociedade popular e de esquerda.

MAPA
do jornalismo independente no Brasil

O www.esquinademocratica.com está no mapa do jornalismo Independente brasileiro. O mapeamento é realizado desde 2015 pela Pública, primeira agência de jornalismo investigativo sem fins lucrativos do país. No mapa interativo foram selecionadas iniciativas que nasceram na rede, fruto de projetos coletivos e não ligados a grandes grupos de mídia, políticos, organizações ou empresas (http://apublica.org/mapa-do-jornalismo/#_).

asq.png

https://theintercept.com/brasil/

https://www.brasildefato.com.br/

https://www.brasil247.com/

https://www.sul21.com.br/

https://www.redebrasilatual.com.br/

https://revistaforum.com.br/

https://apublica.org/

http://desacato.info/

http://anujornalismo.com/

http://www.nonada.com.br/

www.cartacapital.com.br

http://www.independente.jor.br/

https://www.diariodocentrodomundo.com.br/

https://www.ocafezinho.com/

http://www.correiocidadania.com.br/

https://passapalavra.info/

https://www.rioonwatch.org/

https://www.novaimprensa.com/

http://revistaberro.com/

http://marcozero.org/

https://midiaindependente.org/

https://outraspalavras.net/

https://enoisconteudo.com.br/agencia/

http://revistagambiarra.com.br/

https://subversivos.libertar.org/

https://mobilize.org.br/

https://www.facebook.com/coletivosup/?fref=ts

https://www.extraclasse.org.br

https://www.pressenza.com/pt-pt/

https://www.jornalja.com.br/

https://operamundi.uol.com.br/

https://www.saibamais.jor.br/

http://www.anf.org.br/

http://periferiaemmovimento.com.br/

https://azmina.com.br/

http://ecos-periferia.blogspot.com/

https://www.viomundo.com.br/

http://jornalocidadao.net/

https://revistaafirmativa.wixsite.com/afirmativa

http://faroljornalismo.cc/blog/

http://jornalismojunior.com.br/

https://calle2.com/

https://gz.diarioliberdade.org/

https://medium.com/brio-stories

http://jornalismocolaborativo.com/

http://coletivocatarse.com.br/

https://www.nexojornal.com.br/

https://www.jota.info/

https://jornalistaslivres.org/

https://catarinas.info/

https://reporterbrasil.org.br/

https://www.facebook.com/MidiaNINJA/

http://baraodeitarare.org.br/site/

http://www.fluxo.net/

http://reinventajornalista.com.br/

http://jornalismob.com/

https://paragrafo2.com.br/

https://www.cnet.com/news/?tag=typo

http://desabafosocial.com.br/

https://aosfatos.org/

http://www.aescotilha.com.br/

NOTÍCIAS

Please reload

ARQUIVOS