Liderados por Fito Páez, artistas argentinos protestam contra Macri

15/02/2016

Desde que Mauricio Macri assumiu a presidência da Argentina  o país  mergulhou em uma situação assustadora.  Em apenas  dois meses,  mais de  43 mil trabalhadores públicos foram demitidos.  A onda de demissões no setor público está prejudicando os serviços e os ajustes fiscais drásticos passaram a entrar em vigor há pouco mais de uma semana, entre eles os quase 500% de aumento na tarifa de energia elétrica. A perseguição política atinge de jornalistas a dirigentes sociais: os casos mais emblemáticos são a demissão de Victor Hugo Morales e a prisão arbitrária de Milagro Sala. Contrariados com a política do novo presidente, artistas argentinos promoveram um minifestival, liderado pelo cantor Fito Páez, que reuniu manifestantes em uma praça em Buenos Aires, no último sábado (13/02).  A iniciativa, chamada de “Praça dos Artistas”, em referência às “Praças do Povo” idealizadas na época do governo kirchnerista, foi convocada por meio de um vídeo no YouTube. Nele, artistas da Argentina, ao som da música “Y dale alegría a mi corazón”, de Páez, falavam as palavras “alegria”, “trabalho” e “liberdade”, motes da manifestação idealizada pelo cantor. Milhares de pessoas participaram do protesto contra Macri e das atitudes autoritárias do presidente. Ao jornal Página 12, o ator Pablo Echarri afirmou que o festival é parte de um “espaço de pensamento através da arte, da canção e da poesia”, para defender “o mais importante que nós [argentinos] ganhamos nos últimos anos: poder nos expressar livremente, sem medo”. As manifestações contrárias a Macri e a aliados têm crescido, principalmente no meio artístico. O cantor brasileiro Chico Buarque, por exemplo, assinou uma carta aberta, dirigida ao presidente e ao prefeito da capital do país, Horácio Rodríguez Larreta, pedindo a demissão do ministro de Cultura de Buenos Aires, Darío Lopérfido, que afirmou que o número de 30 mil desaparecidos na ditadura da Argentina era uma “mentira”. A política externa de Macri é totalmente entreguista, abriu mão da luta pelas Malvinas argentinas e recorreu a empréstimos de bancos estrangeiros.entre eles, os centros culturais do país.

 

 

Abaixo, o vídeo chamando para a manifestação do sábado passado, dia 13  de fevereiro.  Ao som da música “Y dale alegría a mi corazón”, de Fito Páez, diversos artistas falavam as palavras “alegria”, “trabalho” e “liberdade”, motes da manifestação idealizada pelo cantor.

 

 

 

Please reload

PLURALIDADE DE IDEIAS E  DIVERSIDADE DE PENSAMENTOS

Oblog www.esquinademocratica.com aborda temas relacionados à política e à administração pública, sempre a partir da defesa incondicional dos direitos humanos e do pleno exercício da cidadania. Lutamos pela democratização da informação e da comunicação e buscamos exercer o JORNALISMO de forma LIVRE e INDEPENDENTE. Defendemos a pluralidade de ideias e a diversidade de pensamentos, por meio de um jornalismo politicamente engajado em um projeto de sociedade popular e de esquerda.

MAPA
do jornalismo independente no Brasil

O www.esquinademocratica.com está no mapa do jornalismo Independente brasileiro. O mapeamento é realizado desde 2015 pela Pública, primeira agência de jornalismo investigativo sem fins lucrativos do país. No mapa interativo foram selecionadas iniciativas que nasceram na rede, fruto de projetos coletivos e não ligados a grandes grupos de mídia, políticos, organizações ou empresas (http://apublica.org/mapa-do-jornalismo/#_).

asq.png

https://theintercept.com/brasil/

https://www.brasildefato.com.br/

https://www.brasil247.com/

https://www.sul21.com.br/

https://www.redebrasilatual.com.br/

https://revistaforum.com.br/

https://apublica.org/

http://desacato.info/

http://anujornalismo.com/

http://www.nonada.com.br/

www.cartacapital.com.br

http://www.independente.jor.br/

https://www.diariodocentrodomundo.com.br/

https://www.ocafezinho.com/

http://www.correiocidadania.com.br/

https://passapalavra.info/

https://www.rioonwatch.org/

https://www.novaimprensa.com/

http://revistaberro.com/

http://marcozero.org/

https://midiaindependente.org/

https://outraspalavras.net/

https://enoisconteudo.com.br/agencia/

http://revistagambiarra.com.br/

https://subversivos.libertar.org/

https://mobilize.org.br/

https://www.facebook.com/coletivosup/?fref=ts

https://www.extraclasse.org.br

https://www.pressenza.com/pt-pt/

https://www.jornalja.com.br/

https://operamundi.uol.com.br/

https://www.saibamais.jor.br/

http://www.anf.org.br/

http://periferiaemmovimento.com.br/

https://azmina.com.br/

http://ecos-periferia.blogspot.com/

https://www.viomundo.com.br/

http://jornalocidadao.net/

https://revistaafirmativa.wixsite.com/afirmativa

http://faroljornalismo.cc/blog/

http://jornalismojunior.com.br/

https://calle2.com/

https://gz.diarioliberdade.org/

https://medium.com/brio-stories

http://jornalismocolaborativo.com/

http://coletivocatarse.com.br/

https://www.nexojornal.com.br/

https://www.jota.info/

https://jornalistaslivres.org/

https://catarinas.info/

https://reporterbrasil.org.br/

https://www.facebook.com/MidiaNINJA/

http://baraodeitarare.org.br/site/

http://www.fluxo.net/

http://reinventajornalista.com.br/

http://jornalismob.com/

https://paragrafo2.com.br/

https://www.cnet.com/news/?tag=typo

http://desabafosocial.com.br/

https://aosfatos.org/

http://www.aescotilha.com.br/

NOTÍCIAS

Please reload

ARQUIVOS