RACHADINHAS: STJ DETERMINA PRISÃO DE QUEIROZ E MÁRCIA NO PROCESSO QUE INVESTIGA FILHO DE BOLSONARO


O ministro Félix Fischer, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), determinou que Fabrício Queiroz e sua mulher Márcia Aguiar sejam conduzidos ao sistema prisional. A decisão foi divulgada na noite desta quinta-feira (13/8), revogando decisão liminar do presidente da Corte, João Otávio Noronha, que mantinha Queiroz e Márcia em prisão domiciliar desde 9 de julho. Antes desta data, Márcia Aguiar estava foragida.

O jornal Folha de S.Paulo publicou publicou matéria sobre a participação da filha de Queiroz, a personal trainer Nathália Queiroz, no esquema de “rachadinha” no gabinete do então deputado federal Jair Bolsonaro. Quase todo o salário de Nathália era enviado para Queiroz. A Folha teve acesso aos dados após a quebra do sigilo bancário de Nathália. A reportagem revelou que a filha de Queiroz transferiu cerca de R$ 150 mil para a conta do pai, entre janeiro de 2017 e setembro de 2018, período em que era funcionária no gabinete de Bolsonaro. O valor representa 77% do total recebido por Nathália na Câmara dos Deputados.


rodapé ed.png