EM TEMPOS DE PANDEMIA, CAFETERIA SR.GABO DESTINA PERCENTUAL PARA A CANJA DOS MÚSICOS EM PORTO ALEGRE

A cafeteria SR. Gabo, que fica na Rua da Ladeira, no Centro Histórico de Porto Alegre, está valorizando os trabalhadores da cultura de uma maneira bem original. Em tempo de pandemia, espaços musicais estão fechados e “dar uma canja” vai demorar. Músicos que vivem do seu trabalho musical estão em suas casas com viabilidade econômica bastante reduzida! Pensando na solidariedade mútua, a Cafeteria Senhor Gabo, (Rua General Câmara 451, Centro Histórico) lança o projeto “A Canja dos Artistas”.

O projeto consiste em destinar parte das vendas de canja, caldos e cremes para seis artistas. Na modalidade pague e leve ou tele entrega, o cliente que compra canja, caldo ou creme, ganha o cupom “A Canja dos Artistas". Então ele assina e coloca em uma urna na cafeteria. O valor destinado aos artistas, por meio do cupom, soma em torno de 20% do valor do pedido.


A promoção resgata um termo bem conhecido para no meio cultural: a canja dos artistas. O proprietário do Sr. Gabo é o sociólogo Antonio Gianichini, de 53 anos. Ele pesquisou sobre a história do tradicional bordão usado pelos músicos. "Em São Paulo nos anos 60, músicos de Jazz criaram o Clube amigos do Jazz, a sigla era “Camja”. Os instrumentos musicais ficavam a disposição para que os que por lá passassem se aventurassem no improviso de “tocar no Camja”. Com o tempo a expressão tocar no “Camja” virou “dar uma canja”. Atualmente a expressão “dar uma canja” é quando um artista é convidado por outro para subir ao palco e cantar", explicou Gianichini.

Inspirada em um dos maiores escritores latino-americanos, a cafeteria é uma homenagem a Gabriel García Márquez, escritor colombiano que conquistou o prêmio Nobel de Literatura, em 1982, pelo conjunto de sua obra. Localizada em uma região da capital gaúcha que abriga a Biblioteca Pública do Estado e diversas livrarias e sebos, a Sr. Gabo dá um belo exemplo de solidariedade e da valorização dos profissionais da cultura.


rodapé ed.png