A DITADURA VOLTOU: BOLSONARO EDITA MP QUE PERMITE NOMEAÇÃO DE REITORES PELO MINISTRO DA EDUCAÇÃO


O presidente Jair Bolsonaro editou uma Medida Provisória que autoriza o ministro da Educação, Abraham Weintraub, a nomear reitores de universidades e institutos federais, durante o período de pandemia, sem consultar a comunidade acadêmica. A MP 979/2020, publicada na manhã desta quarta-feira (10/6), no Diário Oficial da União, gerou uma forte reação por parte dos partidos de oposição. PT, PSOL, PCdoB, PSB, PDT, Rede, PV e Cidadania ingressaram com uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) junto ao Supremo Tribunal Federal (STF) para derrubar a medida.

“Bolsonaro e Weintraub seguiram a dica de Salles e aproveitaram a pandemia para passar a boiada e cercear a independência das universidades, submetendo à intervenção do MEC. Diante disso, ou @RodrigoMaia devolve a MP 979/2020 ou teremos que recorrer ao Judiciário”, escreveu a deputada federal Gleisi Hoffmann, no twitter. Já Guilherme Boulos, membro da Coordenação Nacional do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) e dirigente do PSOL , afirmou que “A ML 979 é escandalosa! O energúmeno do Weintraub poderá definir os reitores passando por cima de toda a comunidade universitária. Só funciona assim em ditaduras”.


ENTIDADES DA EDUCAÇÃO REPUDIAM MEDIDA PROVISÓRIA


0 visualização

PAULO TIMM NA VALE DO MAMPITUBA WEB RÁDIO - DAS 8H ÀS 10H

rodapé ed.png