DOCUMENTÁRIO “GOLPE” ESTÁ EM CARTAZ ATÉ QUARTA-FEIRA, NA CINEMATECA PAULO AMORIM, DA CCMQ


O documentário longa-metragem “Golpe”, dos diretores Guilherme Castro e Luiz Alberto Cassol, estará em cartaz até quarta-feira na Cinemateca Paulo Amorim, na Casa de Cultura Mário Quintana, em Porto Alegre. Após essa data, o documentário será exibido em outras cidades do país, cumprindo o circuito nacional. A estreia nacional de o “Golpe” ocorreu na semana passada, na quinta-feira (23/1), em uma sessão lotada, que contou com a presença de cineastas, produtores, dirigentes políticos, militantes e diversos participantes do 2º Fórum Social das Resistências. O documentário traz diversos depoimentos e registros do processo de impeachment da então presidenta do Brasil, Dilma Rousseff (PT), em 2016.

Luiz Alberto Cassol e Guilherme Castro exibem poster do filme / Foto: Fabiana Reinholz

O filme faz uma cronologia sobre o golpe que derrubou a ex-presidenta, a prisão de Lula que o impediu de concorrer às eleições de 2018, fato determinante para a vitória do atual presidente da República, Jair Bolsonaro.

Após a exibição, foi realizado um debate com os diretores e vários entrevistados, como o ex-presidente da CUT-RS, Claudir Nespolo, o cientista político Benedito Tadeu César e o advogado Mário Madureira. O documentário tem depoimentos do ex-governador Tarso Genro, dos jornalistas Moisés Mendes e Juremir Machado da Silva, entre outros.


rodapé ed.png