"THE INTERCEPT" PUBLICA MATÉRIA SOBRE PROCEDÊNCIA DAS CÁPSULAS USADAS EM TIROTEIOS NO RIO


O site "The Intercept" publicou na última segunda-feira, dia 16 de dezembro, uma matéria sobre a procedência das cápsulas recolhidas após tiroteios no Rio de Janeiro. A reportagem é assinada por Cecília Olliveira e Leandro Demorie. Durante 100 dias , a equipe do Intercept realizou um trabalho jornalístico inédito, percorrendo 27 bairros da cidade e recolhendo cápsulas destes locais. As coletas foram realizadas instantes após a trocas de tiros. De acordo com o Intercept, no período da reportagem foram coletados 137 cápsulas de munição do chão. Ao rastrear a munição para saber a procedência, os jornalistas se depararam com balas fabricadas até na Europa, no tempo da Guerra Fria. A reportagem deixa no ar um questionamento importante: de onde vêm as balas que empilham corpos pela cidade das operações sanguinolentas e dos inquéritos intoxicados? "O Rio de Janeiro nunca soube a procedência de todas as balas que matam quase 1.500 pessoas por ano. Agora sabe.

ASSISTA O VÍDEO

CLIQUE AQUI E LEIA A REPORTAGEM


rodapé ed.png