RECURSO DE LUCIANA GENRO É INDEFERIDO E EDUARDO BOLSONARO RECEBERÁ MEDALHA DA AL-RS


A Mesa da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul (AL-RS) indeferiu o recurso da deputada Luciana Genro (PSOL) que tratava da entrega da medalha do Mérito Farroupilha ao deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL). Nesta segunda-feira (18), ela havia apresentado o recurso solicitando que a entrega da medalha fosse analisada no plenário da Casa, e não apenas pela Mesa Diretora.

O recurso, porém, foi apreciado pela própria Mesa – a qual já havia aprovado a entrega da medalha ao terceiro filho do presidente Jair Bolsonaro (PSL) – que optou por negá-lo após parecer contrário da Procuradoria da Casa.

No Twitter, Luciana lamentou a decisão. “Infelizmente o meu recurso para que a concessão de medalha ao Eduardo Bolsonaro fosse decidida pelo plenário foi indeferido pela Mesa. Este político que defende torturador e o fechamento do STF vai receber a mais alta honraria do parlamento gaúcho. Um horror”, colocou.

No recurso, Luciana argumentava se tratar de um caso excepcional devido a posições anti-democráticas de Eduardo Bolsonaro. “Além de defender o fechamento do STF, Eduardo Bolsonaro é um defensor do torturador Brilhante Ustra, por isso vejo como inadmissível a concessão da mais alta honraria do parlamento gaúcho”, colocou a deputada.


21 visualizações

Jornalista Responsável - Alexandre Costa (mtb -7587)