QUEM SE APROPRIARÁ DO LARANJA?


O texto publicado em O Dia, no dia 5 de janeiro passado, de autoria de João Batista Damasceno, doutor em Ciência Política e juiz de Direito, falava sobre a oligarquia laranja. O autor sugeriu que para reduzir a tensão, a primeira tarefa do presidente Jair Bolsonaro seria explicar a movimentação de R$ 1,2 milhão na conta do PM que assessorava o filho e o depósito dos R$ 24 mil na conta da primeira dama. Damasceno mencionou o uso das cores e suas simbologias. "Uma cor dá unidade a um grupo social ou identidade a um objeto de marketing. O verde da bandeira brasileira é símbolo da Casa de Bragança; o amarelo dos Habsburgo. Collor quis se identificar com uma cor e dizia ter aquilo roxo. Os trabalhadores se apropriaram do vermelho, simbolizando o sangue derramado nas lutas por direitos sociais. Quem se apropriará do laranja?" A Arte acima também é de O Dia e foi publicada para ilustrar o texto de opinião de João Batista Damasceno, na ocasião.


0 visualização