JUSTIÇA PROÍBE TV GLOBO DE DIVULGAR INVESTIGAÇÕES SOBRE MORTE DE MARIELLE


O juiz Gustavo Gomes Kalil, da Quarta Vara Criminal do Rio, proibiu a TV Globo de divulgar qualquer informação sobre o inquérito policial que apura os assassinatos da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes. O magistrado atendeu a um pedido da Divisão de Homicídios da Polícia Civil e do Ministério Público do estado. Segundo informações do G1, na decisão, o juiz Gustavo Gomes Kalil proíbe a emissora de divulgar termos de declarações, mesmo sem a identificação das testemunhas. Proíbe, também, a divulgação das técnicas e procedimentos sigilosos usados na investigação; dos conteúdos de gravações de áudios de pessoas investigadas ou não; de conteúdos telemáticos, ou seja, de áudios e mensagens, extraídos de contas de e-mails e telefones das vítimas, testemunhas e investigados; e, ainda mais, qualquer outro conteúdo do inquérito. Na sentença, o juiz diz que "o vazamento do conteúdo dos autos é deveras prejudicial, pois expõe dados pessoais das testemunhas, assim como prejudica o bom andamento das investigações, obstaculizando e retardando a elucidação dos crimes hediondos em análise".


0 visualização

PAULO TIMM NA VALE DO MAMPITUBA WEB RÁDIO - DAS 8H ÀS 10H

rodapé ed.png