TRIBUNAL SUPERIOR DO TRABALHO CONSIDERA ILEGAL A GREVE DOS PETROLEIROS


O Tribunal Superior do Trabalho (TST) atendeu o pedido da Advocacia-Geral da União (AGU) e declarou ilegal a greve dos petroleiros que começa hoje, quarta-feira (30/5). A multa diária para o descumprimento da decisão é de R$ 500 mil. Os petroleiros declararam greve porque são contrários ao processo de privatização da Petrobras, que segundo a categoria já está em curso. Também manifestaram contrariedade à política de preços adotada pela estatal. Os petroleiros querem a imediata demissão do presidente da Petrobras, Pedro Parente.


0 visualização

Jornalista Responsável - Alexandre Costa (mtb -7587)