EM CARTA A GLEISI, LULA REAFIRMA CANDIDATURA


Em carta endereçada à presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann (PR), o ex-presidente Lula reafirmou sua candidatura. "Se eu aceitar a ideia de não ser candidato, estarei assumindo que cometi um crime. Não cometi nenhum crime. Por isso sou candidato até que a verdade apareça e que a mídia, juízes e procuradores mostrem o crime que cometi ou parem de mentir", escreveu o ex-presidente na carta.

Lula também fez referência às polêmicas e ao embate entre Gleisi e Ciro Gomes (PDT). "Querida Gleisi, estou acompanhando na imprensa o debate da minha candidatura, ou Plano B ou apoiar outro candidato. Sei o quanto você está sendo atacada. Por isso resolvi dar uma declaração sobre o assunto."

Lula afirma que "quem quer que eu não seja candidato eu sei, inclusive, as razões políticas, pois são concorrentes. Outros acham que fui condenado em 2ª instância, então sou culpado e estou no limbo da Lei da Ficha Suja". O ex-presidente disse ainda que seus acusadores - "procuradores, juiz, TRF-4" - "sabem que sou inocente".


0 visualização

PAULO TIMM NA VALE DO MAMPITUBA WEB RÁDIO - DAS 8H ÀS 10H

rodapé ed.png