NOVO AUMENTO DA GASOLINA E ARGUMENTOS CADA VEZ MAIS ESDRÚXULOS


A gasolina estará 3,3% mais cara a partir desta terça-feira, dia 5 de setembro, sendo o terceiro reajuste consecutivo desde o dia 31 de agosto, configurando acréscimo acumulado de preço de 11,2%. Já o diesel ficou 8,94% mais caro, com aumento de 0,1%. Ou seja, o aumento está de acordo com a nova política de preços da estatal, que utiliza como base o preço de paridade de importação e isso representa alternativa de suprimento oferecido pelos principais concorrentes para o mercado. A nova política de reajuste do preço dos combustíveis está em vigor desde o dia 3 de julho e a Petrobras considera positiva a mudança, com aumentos ou reduções quase diários da gasolina e do óleo diesel.

O argumento é esdrúxulo, tanto quanto tem sido as iniciativas do governo Temer para justificar o arrocho.


12 visualizações

Jornalista Responsável - Alexandre Costa (mtb -7587)