CAIADO PEDE A RENÚNCIA DE TEMER E A REALIZAÇÃO DE ELEIÇÕES GERAIS


O líder do DEM no Senado, Ronaldo Caiado (GO), defendeu na tarde desta terça-feira (13/12), a renúncia de Michel Temer e a realização de eleições gerais. Caiado afirmou que a delação de executivos e operadores da Odebrecht, na Operação Lava Jato, tornou a situação insustentável e que é necessário um gesto maior. "Podemos chegar a um último fato para preservar a democracia, um gesto maior, para mostrar que ninguém governa sem apoio popular. Nesta hora, não podemos ter medo de uma antecipação do processo eleitoral, de maneira alguma", destacou.


rodapé ed.png