“TEMER CONSPIROU PARA O GOLPE”, AFIRMA DILMA EM ENTREVISTA A JORNAL CHILENO


A presidente Dilma Rousseff voltou a chamar o presidente interino Michel Temer de "usurpador" – "mais que um traidor", segundo ela – em entrevista ao jornal chileno La Tercera. "Ele conspirou para o golpe. Se aliou com o presidente da Câmara (Eduardo Cunha) em um processo de impeachment que foi conduzido de forma pouco ética comigo e com a população", comentou a presidente. Dilma afirmou ainda que "muita gente se sente enganada" com o processo de impeachment e com o governo Temer, que retira direitos dos brasileiros, conforme ressaltou. Ao comentaras as mobilizações contra o golpe da última sexta-feira no País, menores do que as de meses atrás, ela avaliou que "o impeachment já não consegue mobilizar como antes". Para Dilma, "a grande mídia tenta deixar claro que o impeachment já ocorreu", mas o que não é verdade. "Eu ainda sou a presidenta. Como os grupos e indivíduos que defendem o golpe são melhor representadas pelos meios de comunicação, eles são mais capazes de exteriorizar esse sentimento", destacou.

Leia a íntegra da entrevista, em espanhol:


9 visualizações

Jornalista Responsável - Alexandre Costa (mtb -7587)