ATO CONTRA O GOLPE NA REDENÇÃO, DOMINGO, MARCA A RETOMADA DAS MANIFESTAÇÕES DE RUA NO PAÍS


O próximo domingo (31/7) marca, em todo o Brasil, a retomada das manifestações de rua contra o golpe e em repúdio ao governo interino de Michel Temer. A CUT-RS anunciou hoje, terça-feira (26) que está intensificando a convocação para ato “Fora Temer! Nenhum direito a menos”, que será realizado a partir das 14h, no Parque da Redenção, em Porto Alegre. O objetivo, segundo o presidente da CUT-RS, Claudir Nespolo é retomar os protestos populares nas ruas, defender a democracia e os direitos trabalhistas e sociais. A Frente Brasil Popular e a Frente Povo Sem Medo também estão organizando atos em diversos estados para o dia 31 e, a partir dessas manifestações, uma nova agenda de mobilizações deverá acontecer em agosto em todo o país. Esta é a última oportunidade de mobilizar as massas para pressionar os senadores, antes da votação que definirá o impeachment ou o retorno da presidenta eleita Dilma Rousseff. A manifestação é organizada pelas frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo. Estão previstas atividades como aula pública, apresentações culturais e ato político. “O objetivo é chamar a atenção da sociedade para o desmonte das políticas públicas, que já está sendo operado pelo governo ilegítimo e golpista do Temer, e alertar para o que poderá vir a ocorrer depois, se o golpe for consumado, além de combater os ataques do governo Sartori aos servidores públicos e ao povo gaúcho”, afirmou Claudir.

No vídeo abaixo, a última manifestação contra o golpe, realizada no dia 10 de junho, na Esquina Democrática, com caminhada pelas ruas da Cidade baixa.


4 visualizações

Jornalista Responsável - Alexandre Costa (mtb -7587)