BOAVENTURA ALERTA PARA A CRIMINALIZAÇÃO DOS PROTESTOS

  • O sociólogo Boaventura de Sousa Santos considera que o movimento passe-livre tem mensagens progressistas e muito interessantes ao debate. Sou amigo do prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, e gostaria muito que ele estivesse aqui (Haddad era um dos convidados da atividade, mas não compareceu o evento).

“Essa luta por transporte público e acessível, em uma cidade como São Paulo, o mínimo que um governo de esquerda tem de ter é transparência em relação aos lucros das empresas. Transporte público não é um negócio, é um serviço”, afirmou o português, durante a segunda edição do Ciclo de Debates POA Mais, atividade do Fórum Social Temático, realizada nesta sexta-feira (22/01), no Parque da Redenção, em Porto Alegre. Boaventura fez um alerta sobre a criminalização dos protestos sociais. “Tanto em São Paulo, no Rio de Janeiro e em outros estados, as pessoas que protestam estão agredidas por articulações complexas e muito incorretas entre guarda municipal e polícia militar. O governo do estado de São Paulo, de Geraldo Alckmin, é conservador. E a prefeitura de São Paulo, de Haddad é progressista. Não se unam contra o povo porque ninguém vai aceitar isso”, disse.


0 visualização

PAULO TIMM NA VALE DO MAMPITUBA WEB RÁDIO - DAS 8H ÀS 10H

rodapé ed.png