SEGUNDA ONDA ASSUSTA A ITÁLIA QUE JÁ CONTABILIZA MAIS DE MIL NOVOS CASOS DE CORONAVÍRUS EM 24 HORAS


O medo de uma segunda onda de coronavírus faz com que o mundo volte seus olhos para a Europa. Pela primeira vez desde maio, a Itália registrou mais de mil casos de covid-19 em um período de 24 horas, o que coloca a comunidade científica em alerta para o que parece ser uma “segunda onda” da doença. Neste sábado (22/8), o país registrou 1.072 novos casos confirmados, o que representa um novo recorde de pessoas contaminadas pelo covid-19. A última vez que a Itália havia superado a marca dos mil casos da doença em 24 horas foi no dia 12 de maio, quando foram contabilizadas 1.402 pessoas novas infectadas.


No total, a Itália já registrou 258.136 casos confirmados de coronavírus, com 35.427 mortes em consequência da doença. O país foi um dos mais afetados pela covid-19 nos primeiros meses do ano e iniciou seu processo de relaxamento das medidas de restrição em maio. Após um período de estabilidade, a Itália voltou a registrar números altos de contágio. Assim como em todos os lugares do mundo, a maioria dos casos de covid-19 na Itália se concentrava entre pessoas mais idosas. No entanto, os registros mais recentes indicam que os novos contagiados são, na sua grande maioria, jovens com média de 30 anos de idade.


Durante esta semana, o país já entrou em alerta diante da alta do casos registrados da doença e, neste sábado (22), bateu recorde: foram 1.072 novos casos confirmados de contágio. A última vez que a Itália havia superado a marca dos mil casos da doença em 24 horas foi no dia 12 de maio, quando foram contabilizadas 1.402 pessoas novas infectadas.

rodapé ed.png