PAÍSES EUROPEUS ASSINAM ACORDO QUE GARANTE FORNECIMENTO DE 300 MILHÕES DE VACINAS CONTRA O COVID-19


A pandemia de coronavírus causou a morte de mais de 417 mil pessoas e já há registros de mais de 7,4 milhões de infectados no mundo. O governo alemão anunciou neste sábado (13/6) que uma vacina contra o Covid-19 está sendo desenvolvida com sucesso e poderá ser disponibilizada até o final do ano. A perspectiva da eficiência da vacina fez com que a Alemanha, França, Itália e Holanda assinassem um acordo com o grupo farmacêutico AstraZeneca para garantir o fornecimento de 300 milhões de doses, garantindo abastecimento para todos os países-membros da União Européia (UE), assim que se confirme a descoberta.


De acordo com o ministério da saúde da Alemanha, o contrato está sendo firmado "para que as vacinas estejam disponíveis em grande quantidade muito rapidamente após sua eventual aprovação neste ano ou no próximo, as capacidades de produção devem ser garantidas por contrato desde agora". Os laboratórios buscam encontrar uma vacina em tempo recorde, entre 12 a 18 meses, um período bem inferior ao que normalmente é estipulado para vacinas.


A antecipação do processo facilitará o investimento nas capacidades de produção, mesmo que os ensaios clínicos em humanos não tenham terminado ainda. A Comissão Europeia defendeu na sexta-feira (12/6) a ideia de que os países da UE se reúnam para garantir o acesso privilegiado à futura vacina, obtendo também contratos antecipados de compra. O compromisso garante a compra de doses da futura vacina quando a mesma estiver disponível, em troca do risco assumido nos investimentos.

rodapé ed.png