O POVO NAS RUAS: VAI TER LUTA


Os movimentos sociais contrários ao impeachment da presidenta Dilma Rousseff bem que avisaram: NÃO VAI TER GOLPE, VAI TER LUTA. A quinta-feira, 28 de abril, marcou o início da resistência ao golpe com manifestações em oito estados e também no Distrito Federal. Os atos em defesa da democracia foram organizados pela Frente Brasil sem Medo, Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) e Movimento Popular por Moradia (MPM). O objetivo das mobilizações é denunciar o golpe e defender os direitos sociais. As imagens desse vídeo são resultado de uma composição de vários vídeos disponibilizadas no Facebook.


rodapé ed.png